Havard e Sony criam ‘robô de origami’ para realizar cirurgias

ANÚNCIO

Com a evolução da tecnologia, a criação de robôs está ficando cada vez mais popular. Os robôs em si, são feitos para auxiliar os seres-humanos em alguma atividade ou até mesmo para otimização de tempo. 

Com isso, pesquisadores do Instituto Wyss de Harvard juntamente com a Sony, desenvolveram um robô cirurgião do tamanho de uma bola de tênis, mas com um peso inferior a uma moeda.

ANÚNCIO

A técnica utilizada para criação do robô foi inspirada em um origami, feito em camadas e colocadas uma sobre a outra e fixadas. Depois de fixadas, um laser corta estas camadas externas em medidas padrões formando uma estrutura tridimensional.

Havard e Sony criam 'robô de origami' para realizar cirurgias
Fonte: (Reprodução/Internet)

Robô cirurgião é mais preciso que humanos

A criação dos robôs cirurgiões está trazendo mais precisão e controle para intervenções cirúrgicas delicadas, como operações cardíacas ou em ginecológicas e urológicas. Apesar de ser chamado de robô cirurgião, o equipamento não tem autonomia própria, e quem o controla é o médico cirurgião. 

Em testes de traço microscópico, onde deveria ser desenhada uma linha sobre os lados de um quadrado com 1mm de lado, o robô cirurgião mostrou 68% mais precisão do que uma ferramenta controlada diretamente por mãos. Além disso, a experiência teve sucesso ao inserir uma agulha em um olho e encontrar uma veia em uma simulação.

ANÚNCIO

Como funciona um robô cirurgião ‘origami’

  • O robô funciona com uma forma de paralelogramo que se encontra na estrutura principal e três atuadores lineares que controlam seus movimentos. 
  • O motor que se encontra na parte de baixo do robô, controla os movimentos de subida e descida.
  • Para a rotação do robô, os desenvolvedores optaram por implementar um perpendicular à base e um último na ponta da estrutura que estende e retrai a ferramenta em uso. 
  • A técnica descomplica a produção em massa de pequenas peças complexas que são necessárias para esse tipo de tecnologia.

Os robôs cirurgiões ainda não tem autonomia, como a robô cidadã, para realizar uma parte da cirurgia, porém cientistas já estão trabalhando em cima da ideia. A ideia de construir um robô cirurgião, veio de outros mecanismos conhecidos de auxilio de equipamentos para procedimentos cirúrgicos

ANÚNCIO