Mixer: Plataforma de Streaming deixará de existir em julho

Conhece a plataforma de streaming Mixer? Se é amante do mundo dos games, provavelmente tenha ouvido falar dela em agosto do ano passado, quando o Richard Tyler “Ninja” Blevins anunciou que suas próximas streamings do Fortnite seria nela.

A plataforma de streaming da Microsoft e que veio para disputar o mercado das streamings de jogos com a Twitch e que podia ser integrada tanto ao Xbox One, como ao sistema operacional Windows 10, o que tornava bem mais prática para quem ainda era um iniciante nos games.

Mas, parece que as habilidades ninjas de Richard Tyler não foram o suficiente para salvar a plataforma e a Microsoft já informou que as atividades dela serão encerradas agora em julho. E, caso seja assinante do Mixer Pro, tenha uma conta monetizada na plataforma ou esteja com algum crédito disponível, calma que nada disso estará perdido.

Mixer: Plataforma de Streaming deixará de existir em julho
Fonte (Reprodução/internet)

Quer saber um pouco mais sobre esse caso para entender o que vai mudar exatamente?

Mais sobre o caso

A Microsoft até tentou manter a plataforma viva e dar um gás nela para conseguir bater de frente com a Twitch, através de diversos acordos e parcerias feitas, mas, não foi o bastante e já foi anunciado que a plataforma irá continuar existindo apenas até o dia 22 de julho de 2020.

ANÚNCIO

Segundo o encarregado pela plataforma, Phil Spencer, isso aconteceu pelo fato da plataforma ter nascido bem atrás de sua concorrente, no sentido da audiência mensal que esta já possuía. Com isso, a empresa não conseguiu alcançar os resultados que buscava.

E não é para menos, afinal, enquanto a plataforma da Amazon, a Twitch, nasceu em 2011, a plataforma da Microsoft, a Mixer, chegou ao mercado apenas 5 anos depois, em 2016 e, quando se trata de canais de streaming, esse tempo é algo que faz bastante diferença.

Sendo assim, a Mixer começou a ser, de certa forma, uma barreira para outros projetos da empresa, afinal, o tempo que a Microsoft poderia estar investindo em outros projetos estava sendo gasto para tentar salvar o streaming.

Agora, os recursos (como tempo e pessoal) que estavam sendo empenhados para salvar o streaming poderão ser redirecionados para outros projetos como o lançamento do Xbox Series X, evoluir o Xbox Game Pass, preparar o Project xCloud e ainda desenvolver 15 jogos!

E agora? O que serão dos usuários e parceiros da Mixer?

A Microsoft não deixou seus usuários desamparados, no sentido de que as contas existentes na plataforma, os aplicativos instalados e até as contas monetizadas, tudo será transferido para a plataforma Facebook Gaming

Então, se você gostava de acompanhar as lives do Ninja, possivelmente vai precisar começar a usar o Facebook Gaming. Contudo, isso não é algo tão certo, afinal, os usuários poderão escolher migrar de fato, ou voltar para o Twitch.

E quem tinha uma conta monetizada, será transferido para a plataforma do Facebook fazendo parte do programa Level Up e, quem estava com algum crédito, assinatura feita, ou algum outro saldo na Mixer, vai receber Gift Cards para o Xbox.

E quem não gostar tanto do Facebook Gaming, poderá transmitir seus jogos pelo aplicativo da Twitch no Xbox.

ANÚNCIO