Qualcomm desenvolve chip 5G mais barato

ANÚNCIO

A mais nova rede móvel 5G chegou para revolucionar o mercado de internet, prometendo execução de aplicativos em 1 milissegundo. No entanto, a internet mal foi lançada e já está elitizada por conta de suas funcionalidades. 

Estima-se que o chip com internet móvel 5G seja o dobro do valor dos planos de internet atuais. Porém, a “Qualcomm” foi a primeira empresa a investir no 5G em aparelhos mais baratos. 

ANÚNCIO

A rede móvel 5G ainda precisa passar por vários obstáculos para ser viável a grande parte dos consumidores. Para ocorrer o lançamento oficial da rede 5G, os desenvolvedores precisam investir em aparelhos de alto custo, como a próxima geração do iPhone e o Mi Ultra 10 da Xiaomi. 

Qualcomm desenvolve chip 5G mais barato
Fonte: (Reprodução/Internet)

Chip com 5G mais barato

Para mudar o cenário de elitização da nova internet móvel, a Qualcomm pretende oferecer ao mercado um novo chip que é capaz de proporcionar o 5G em aparelhos de entrada e intermediários. A meta da empresa é alcançar uma fatia de 3,5 bilhões de dispositivos com seu chip. 

O chip nomeado de Snapdragon 4-series terá compatibilidade com qualquer smartphone, porém uma questão levantada por internautas é a frequência utilizada pelas redes 5G. Para o 5G funcionar, o smartphone deve estar preparado para gerenciar uma frequência maior, função que os celulares de entradas não possuem. 

ANÚNCIO

Com isso, a frequência da rede fica comprometida e pode decair. A empresa já anunciou que prefere apostar em procedimentos mais simples e baratos para que a distribuição do chip ocorra em massa. O ideal para um chip 5G funcionar é a utilização de uma série de antenas, mas isso tem um custo maior para empresa. 

Demora na expansão do 5G no Brasil 

Mesmo que a ideia da Qualcoom seja plausível, o Brasil é um país subdesenvolvido e demora para preparar o terreno para recepção de uma tecnologia nova. Portanto, a tecnologia do 5G pode demorar por conta das antenas que ainda não foram construídas. 

Recentemente, Jair Messias Bolsonaro, regulamentou uma lei criada ainda no governo de Dilma Rousseff, chamada Lei das Antenas. A regulamentação ocorreu para que a tecnologia do 5G seja bem-vinda em território nacional. A legislação visa a otimização da construção das antenas no Brasil

De qualquer forma, o intuito da Qualcomm é muito interessante aos olhos dos usuários de smartphones intermediários. O novo chip Snapdragon 4-series chega ao mercado no início de 2021 com o foco de expandir o portfólio de celulares preparados para o novo padrão de tecnologia móvel

ANÚNCIO