Sustentabilidade: Brasil é referência em reciclagem de latas de alumínio

ANÚNCIO

A Associação Brasileira do Alumínio (ABAL) e a Associação Brasileiras dos Fabricantes de Latas de Alumínio (Abralatas) publicaram a porcentagem atualizada de reciclagem de latas de alumínio e dados mostraram como o Brasil é referência.

Em 2018, foram coletadas e recicladas 96,9% das embalagens de alumínio para bebidas. Ou seja, foram recicladas quase todas as latas que entraram em circulação nos comércios do país. O resultado soma cerca de 26 bilhões de unidades. 

ANÚNCIO

No geral, das 330,3 mil toneladas de latas que foram comercializadas em 2018, 319,9 mil toneladas conseguiram ser recicladas. O volume de reciclagem aumenta junto com o consumo. Em comparação a 2017, o consumo de latas de alumínio subiu 8,7%.

Sustentabilidade: Brasil é referência em reciclagem de latas de alumínio
Fonte: (Reprodução/Internet)

Associação afirma que Brasil é exemplo na reciclagem de latinhas

Em 2019, em um levantamento feito pela ABAL e Abralatas foi apontado que o Brasil reaproveitou 97,6% das latas comercializadas, e isso confirmou a liderança do país no índice de reciclagem desse material.

“O Brasil é exemplo para o mundo. Desde 2004, o nosso índice de reciclagem de latas permanece acima de 90%, o que significa que a cadeia da reciclagem tem acompanhado o crescimento do consumo, o que não é trivial”, ressalta Milton Rego, presidente executivo da Abal. 

ANÚNCIO

Segundo o presidente, isso é consequência da aplicação da indústria do alumínio na técnica de reciclagem. A Abal criou um ponto de coleta em todo Brasil e uma rede de logística estruturada.

Reciclagem auxilia redução da exploração do minério  

O método de reciclagem utiliza apenas 5% da energia que seria usada na fabricação da mesma quantidade de alumínio primário. A reciclagem de latas de alumínio reduz 95% a emissão de gases de efeito estufa. 

Além disso, o grande índice de reutilização das latinhas não só ressalta a eficácia do método de reciclagem, mas também coloca em ênfase a firmeza da indústria pela sustentabilidade diante de um cenário preocupante no mundo.

A reciclagem do alumínio também se relaciona à redução do impacto na mineração. Cada quilo de alumínio reciclado traz uma economia de bauxita, que é um minério que deriva o alumínio.

Em comparação ao plástico, o cenário ganha ainda mais destaque visto que apenas 9% de todo plástico produzido mundo foi reciclado até hoje segundo pesquisa publicada na Science Advances.

ANÚNCIO