Twitter lança nova ferramenta que limita interações na plataforma

ANÚNCIO

Nesta semana, a rede social Twitter disponibilizou uma atualização em seu programa que permite seus usuários terem um controle de privacidade maior.

Na versão mais recente da plataforma, uma nova função para selecionar quem pode responder às publicações feitas foi adicionada.

ANÚNCIO

A novidade, que havia sido disponibilizada apenas aos usuários do sistema operacional iOS da Apple, agora está entregue ao grande público.

Twitter lança nova ferramenta que limita interações na plataforma
Fonte: (Reprodução/Internet)

Confira a seguir mais detalhes sobre a nova ferramenta da rede social.

Limite de respostas no Twitter

A opção de selecionar quem pode interagir com as publicações efetuadas aparece logo quando o botão de criar um novo tuíte é selecionado. A nova função pode operar de três formas:

ANÚNCIO
  • Todo mundo pode responder, como já ocorria;
  • Apenas pessoas que o usuário segue podem interagir;
  • Só usuários mencionados no tweet podem responder.

“Começando hoje, todos poderão escolher entre as opções de interação para que respostas não procuradas não entrem no caminho de conversas relevantes” afirmou Suzanne Xie, diretora de gerenciamento de produto.

Controle de qualidade dos comentários

Segundo a empresa, esta nova opção visa principalmente a qualidade dos conteúdos da rede social, bem como diminuição do número de comentários desrespeitosos que eram feitos sem filtro.

“Diversas vezes vimos mais curtidas e visualizações em um retweet com comentário do que no tweet original, mesmo que seu autor tenha mais seguidores” informou a plataforma.

Preocupação com haters no Twitter

A partir de uma coleta de dados, o Twitter divulgou que as novas configurações de privacidade irão oferecer um conforto maior para contas com mais seguidores, que poderão compartilhar seus tweets sem medo de receber ataques virtuais.

O novo recurso havia sido apresentado primeiramente na CES 2020, porém apenas agora foi entregue à todos. Desde maio deste ano, usuários vêm testando a nova opção, que agora está disponível para todos os sistemas operacionais móveis.

ANÚNCIO