Sistema Único de Saúde – Entenda a importância

Você com certeza sabe o que é o SUS, mas já parou para pensar na importância dele? O sistema é referência internacional para muitos países. E há alguns dados e fatos que mostram que esse sistema público de saúde do Brasil é um dos mais maiores e mais complexos do mundo.

Ainda assim, muitos brasileiro podem não conhecer mais sobre o Sistema Único de Saúde. Os fatos são extremamente interessantes e ajudam a ter maior consciência sobre a funcionalidade do sistema e também do papel do governo dos estados, dos municípios e do Brasil.

O SUS é admirado em outros países e referência na Organização Mundial de Saúde (OMS) e aqui no Brasil muitas vezes não é compreendido dessa forma, porque, assim como em outras áreas, existem fragilidades na saúde do país. Porém, conhecer e descobrir a revolução na saúde que o Sistema possibilitou é identificar cada vez mais sua importância.

SUS
Fonte: (Reprodução/Internet)

 

Brasil antes do SUS

Imaginar o Brasil sem o SUS é a melhor forma de compreender sua amplitude e importância no país. Antes de sua fundação e da saúde ser na constituição “um direito de todos e dever do Estado” em 1988, a saúde pública estava restrita apenas a trabalhadores que contribuem na Previdência Social.

ANÚNCIO

Os demais brasileiros ficavam a mercê de ONGs e outras organizações filantrópicas sem acesso a serviço hospitalar e nem atendimento gratuito. Isso aconteceu há apenas 32 anos, que é a idade que o SUS possui hoje. Na década de 70, sem o SUS, mais de 1 milhão de crianças morreram em cinco anos por causas evitáveis como sarampo, tétano e diarreia.

Com o Sistema, o acesso à vacinas que evitam essas doenças, por exemplo, e o acompanhamento desde a gravidez até a vida adulta é lei e muda esse cenário. Em 2015, a mortalidade infantil caiu para 13,8% a cada mil nascidos. Se tornou então um direito ser atendido gratuitamente para aferir pressão ou realizar um transplante de órgão.

Sistema Único de Saúde - Entenda a importância
Fonte: (Reprodução/Internet)

Confira mais sobre o cenário da saúde no Brasil antes do SUS no site da Fiocruz.

Salto na saúde do Brasil

Portanto, é por meio do Sistema Único de Saúde que todos os brasileiros sem discriminação podem ter um atendimento digno. O sistema veio para universalizar o acesso à saúde gratuita para prestar atendimento e cuidado integral à saúde dos brasileiros em todas as etapas da vida.

Isso significa disponibilizar na rede pública, serviços de emergência, atendimento sanitário, ambiental e também assistência farmacêutica, dando gratuitamente alguns medicamentos. O Brasil é o único país do mundo a oferecer um sistema assim para mais de 200 milhões de pessoas.

Outros países que possuem essa similaridade, ofertam serviços para populações bem menores, fazendo do SUS um dos maiores serviços de saúde pública do mundo. Para ter acesso, basta fazer o cartão do SUS em alguma unidade pública de saúde. A gratuidade do serviço se acentua quando a realidade em diversos países do mundo é pagar por um atendimento.

A pandemia ressaltou a importância e as dificuldade

O caos mundial que a pandemia despertou no mundo, levou automaticamente toda a atenção para os sistemas de saúde. Cada país, com a sua própria organização, precisou de medidas urgentes para conter a disseminação do vírus e receber os pacientes.

Com tudo isso acontecendo, o sistema público de saúde do Brasil, ganhou mais prestígio porque é o único a oferecer a gratuidade dos serviços a toda a população sem discriminação de idade ou doença.

Em outros países, mesmo com sistema similares, funciona de forma gratuita apenas para parte da população, como idosos e crianças de até 16 anos, por exemplo. Então, a abrangência do sistema, se destaca, mas também evidencia a insuficiência de recursos para atender uma população tão grande.

ANÚNCIO